sábado, 8 de julho de 2017

Comentários: Amores Seletivos, Daniel.



A melhor coisa que fiz na minha vida foi cursar a faculdade de jornalismo, porque aprende a ter visão de mundo e como as coisas funcionam, podendo assim facilitar muito a sua vida. Os meios de comunicações estão tão incorporados nas nossas vidas, e nem temos conta como influência o nosso comportamento, às vezes pensamos que tomamos decisões próprias, mas mal sabem, que essa decisão foi através de uma propaganda ideológica praticada pela mídia. Entretenimento não é entretenimento, o objetivo principal é mudar o comportamento social através da arte, cinema, literatura, música, teatro, enfim tudo aquilo que envolve a arte, sendo que a música é o principal elemento de mudança de comportamento. Uma vez o Platão disse: “Tomem cuidado com a música que oferece para o povo!”.

Usar o cinema para convencer o homem assumir uma mãe solteira.
Usar os meios de comunicações para fazer os homens aceitarem mulheres com comportamento promiscua no passado, parece que se tornou um desafio para as feministas, tanto que já realizaram vários filmes assim, por exemplo, o filme “Casamento de mentirinha” de Adam Sandler, onde mostra um quarentão solteiro, que pegava somente mulheres de vinte poucos anos, mas não era feliz, que encontrou a sua felicidade numa mulher da mesma idade e com 2 filhos. No final do filme, casa com a mãe solteira e assume os 2 filhos dela.

As feministas riem dos homens que casam com ex-vadias, então falam para as mulheres: “Sejam vadias e putas, transem com quantos homens que quiserem, e no final será recompensada com um belo casamento. Se o homem não aceitar, nos rotularemos como machista opressor!”. Para as feministas é uma vitória ver um homem casar com uma ex-puta.

O filme "Uma linda mulher" executivo de sucesso se casa com uma mãe solteira e prostituta.
A propaganda ideológica quer convencê-lo a casar com os piores tipos de mulheres. Não caem nesse truque.  
Quando assisti ao vídeo do Confrade Ebony Bortolon, quando citou a música do Daniel, não acreditei no que ouvi, musica extremamente apelativa, com apelos emocionais muito grande, tentando convencer os homens a se casar com uma ex-puta. Para homens mais maduro, essa música é extremamente ofensiva, porque já possui uma vivência e nenhuma propaganda ideológica irá mudar o seu pensamento, mas pode prejudicar a mente dos mais jovens, que não possui nenhuma experiência.

As mulheres quando são novas, são seres satânicos, para elas é uma vitória ver os homens sofrerem por elas, dispensam os caras legais e dá amor e moral para os marginais, desde que tenha dinheiro ou drogas. Depois que ficou mal falada no bairro, foi alegria da galera, procura um bonzinho, não porque gosta de você, mas sim na intenção de limpar a imagem dela.

Homens que aceitam se relacionar com mulheres assim, normalmente são imaturos e inexperientes, mas existem aqueles que são muquiranas, se relacionam assim mesmo, mas levam uma vida totalmente medíocre, servindo de deboche para a maioria dos homens. Já tive uma experiência assim, sai com uma mulher, fui à balada com ela, quando chegamos lá, os homens olharam para mim com uma cara, querendo dizer: “Fulana já está com outro homem! Mas, mal sabe que a metade aqui já comeu ela!”, posso dizer para vocês, que é uma sensação muito desagradável.

Parece uma família feliz, mas não é!
O passado da Joana Prado sempre estará presente.
Será a eterna Feiticeira!
Já vi isso acontecer com outros homens, o cara falar que já comeu a sua namorada, ou já conheceu vários homens, que já comeram a sua mina. Mesmo que aceite, ninguém tem uma estrutura forte para isso, mesmo que mude de país. O lutador Vitor Belfort está pagando um preço muito alto, foi exibido na televisão norte americana, imagens da Joana Prado na época da Feiticeira, onde a filhinha dela perguntou: “Mãe, por que dançava de biquíni para monte de homens?”, e ela chorou com essa pergunta.

Mulheres que tiveram muitos parceiros no passado têm o corpo viciado em trocar de machos, perdeu a capacidade total de gostar e amar alguém, mesmo que o homem aceita se relacionar, ela irá rejeitá-lo e onde irá sofrer mais ainda. Ela deu a sua beleza e juventude para os marginais do passado, agora quer dar o resto para você, mas ao mesmo tempo, ela sente nojo de você, mesmo que não fale nada. Mulheres não se arrependem dos seus erros, elas são forçadas a mudar de comportamento por causa da ação do tempo, se nunca fossem envelhecer, nunca iria mudar de comportamento.

Por isso, que a Real sempre recomenda investigar o passado sexual da sua mulher, para não servir de comedia dos outros, banque o cara liberal e mente aberta, que ela irá falar tudo que fez no passado. Por mais que tenta esconder, não tem como, porque isso pode ser expressado na fala e no rosto. O Confrade Ebony Bortolon disse uma coisa muito interessante e importante, a geração mais nova não precisa passar por tanto sofrimento e humilhação, que os Guerreiros mais antigos passaram, aprendem com a experiência dos mais velhos.

Sejam felizes e Superam as Paixões!

Márcio de Andrade

3 comentários:

  1. Excelente post. Não se envolvam emocionalmente com vadias muito menos com bissexuais falo por experiência própria.

    Continue nessa caminhada márcio você faz um ótimo trabalho.

    ResponderExcluir
  2. Mais um dos muitos post bons do márcio. A industria do amor prega todos os dias na sociedade, musicas, filmes, novelas, séries, etc etc.

    Quando dizem que Nessahan foi um genio ao descrever o magnetismo que rege as relações com as mulheres não é exagero nenhum. O cara foi preciso, com uma pegada religiosa e possuindo bom humor, desmascarou as femeas e deu a oportunidade de muitos homens se livrar de varias maldições.

    Marcio tu podia fazer um post, falando das obras de Nessahan.

    Um abraço;

    ResponderExcluir
  3. Realmente não é fácil aceitar um passado promíscuo.

    ResponderExcluir